Os rótulos do crime



Toda vez que uma pessoa é brutalmente assassinada por dentro eu morro um pouco também. As pessoas dizem que absorvo demais os problemas alheios mas eu não consigo me sentir indiferente pensando nas famílias da vítima, porque no final, sofre quem fica.
 
Mas quando o assassino é pobre, negro, favelado e menor, e a vítima é pelo menos da classe média, branca e mora num imóvel, bairro ou região um pouco mais privilegiada, eu tento me preparar para os textos recheados de clichês. Texto a gente vira ou desliza a página, fecha, simplesmente ignora e não lê, o problema é o quanto esse conteúdo preconceituoso e ofensivo é disseminado por todos os meios.

 

Publicidade

Época Cosméticos_Beauty OFF

Publicidade

Últimas publicações

Publicidade

Leia também

Minhas contribuições em outras publicações

Tecnologia do Blogger.

Facebook

Meu Spotify (Vida de DJ)

Publicidade

Publicidade

Estatísticas

DMCA.com Protection Status

I heart FeedBurner